Domingo, 17 de Maio de 2020

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL

Owen Waters

Boletim de Dinâmica Espiritual, Crescimento espiritual, vitalidade e bem-estar

Tradução: Regina Drumond.

a 17 de maio de 2020.






Quanto mais você presta atenção às suas percepções intuitivas e naturais, mais elas se desenvolvem. O insight intuitivo também se desenvolve quando você o estimula, passando um tempo em meditação regular.
O ato de direcionar sua atenção para o interior lhe dá uma vantagem distinta ao funcionar no mundo cotidiano e externo.
Recentemente, na década de 80, o desenvolvimento intuitivo ainda era chamado de desenvolvimento "psíquico", sendo considerado como "algo estranho e incomum". Hoje, o insight intuitivo está se tornando muito popular, muito normal, muito prático.
A crescente consciência de hoje do desenvolvimento intuitivo me lembra os primeiros dias do telefone. No início da década de 30, as pessoas costumavam levantar a parte do fone de ouvido, acionar uma alavanca  e depois falar com a operadora local, que provavelmente conheciam pelo nome.
Era algo como: “Mary? Traga-me o Bob, sim? Bob, nesse caso, teria sido o único Bob na cidade que, até então, tinha o seu próprio telefone. Fazer chamadas fora de sua área local exigia muita paciência, sem mencionar uma segunda hipoteca em sua casa para pagar a conta.
As ligações interurbanas eram tão especiais naqueles dias que, nos filmes de Hollywood, você via uma estrela glamourosa com um enorme fone no ouvido, inclinando-se para a parte do microfone que se projetava da caixa na parede, gritando animadamente: "Olá; chamando de longa distância! Olá; chamando de longa distância! ”
Então, graças talvez às estrelas entusiasmadas, todos na cidade queriam um telefone. De fato, o setor de telefonia se expandiu tão rápido que um economista importante declarou que não era possível continuar com este rápido ritmo de expansão porque havia um limite natural para este crescimento. Com grande confiança, ele declarou que o aumento do uso do telefone não poderia continuar simplesmente porque não havia operadoras de telefonia suficientes.
O crescimento do telefone continuou, no entanto, e assim se tornou possível que as pessoas discassem seus próprios números e ignorassem Mary, a operadora de telefonia local. Basicamente, todos se tornaram sua própria operadora de telefonia.
Hoje, enfrentamos um fenômeno de crescimento muito diferente. As pessoas estão se conectando interiormente. Estamos nos tornando nossos próprios "operadores telefônicos" psíquicos / intuitivos.
Uma das melhores coisas que você pode desenvolver hoje é a sua conexão com a fonte de sua própria sabedoria interior. Dentro de cada um de nós existe uma fonte de sabedoria universal e pessoal. Nossos seres internos - nossas almas ou eus superiores - têm toda a sabedoria que acumulamos desde que existimos.
O melhor serviço que podemos prestar a nós mesmos e ao mundo nestes dias críticos da Mudança é nos reconectarmos claramente com a fonte de nossa própria sabedoria interior.

Owen Waters.






 
 
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcansar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos

 
 

Recomenda-se o discernimento.

 

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
 
 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 
 


 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1

 


 
publicado por achama às 15:05
link | comentar | favorito
Sábado, 16 de Maio de 2020

VOCÊ AMA, MAS SENTE-SE AMADO?

VOCÊ AMA, MAS SENTE-SE AMADO?

Por Fatima D’Agostino

lecocqmuller@gmail.com

a 14 de maio de 2020.


 
 
.
 
 

É comum confiarmos em nossa capacidade de amar, entretanto, é comum, também, não nos sentirmos amados. Precisamos ouvir que somos amados e seguimos fazendo manutenção das relações.

São fecundos os estudos, análises, dicas, orientações psicológicas ou manuais sobre como salvar relações ditas adoecidas ou mantidas por um fio. É comum ouvir alguém dizendo: “fiz tudo que podia, agora entrego na mão de Deus porque minha consciência está tranquila”

Será que este amor, mesmo condicionado, não é um vislumbre do que somos?

Estamos, muito de nós, focados em nosso despertar e isso está causando quase que uma competição para ver quem chegará ao paraíso. Parece complicado, uma meta, uma mudança de comportamento, uma busca interna do que precisa ser curado, uma nova criação holística de nós mesmos e do mundo.

Calma, para tudo! É ilusão, não precisamos aprender nada, apenas nos lembrar. Somos AMOR e aqui, no corpo físico temos que sentir autoamor. Sentir isso cura todas as mazelas criadas para separar o eu do Todo. É voltar para casa.

Estamos viciados pelo hábito de amar condicionalmente, mantemos relacionamentos que nos proporcionem alegria, prazer, ombro amigo, escuta carinhosa, presença constante. Amamos quem nos proporciona tais emoções, mas para nos sentirmos amados, necessitamos, constantemente, de provas.

Julgamos o comportamento do outro a partir das nossas carências, se a pessoa está brava, agressiva, é porque fizemos algo ou, pior ainda, não nos ama mais. O amor condicional foi construído por pressupostos, tradições e crenças, tanto que existem profissionais, orientadores, manuais, etc. que dão conta de ajustar as relações.

Reconhecemos o nosso potencial de amar, mas não enxergamos esse potencial no outro porque nos sentimos menos ou mais, muitas vezes. Por isso sempre há dúvida nas relações afetivas. Dúvida que tem como apêndice o ciúme, a raiva, a insatisfação, o sofrimento e a solidão mantida a dois, três ou dez.

A certeza inconsciente do nosso potencial amoroso aciona o controle consciente sobre escolher experiências que nos dê satisfação e prazer. Desaprender comportamentos automáticos amparados por crenças é desafio do despertar. Nós sempre nos colocamos como iguais nas dores e experiências, como se fossemos bonecos de produção limitada.

Somos fractais da Fonte. Se você ora para Deus, para um santo ou anjo, está orando para você mesmo. Percebe o fio invisível e frágil que nos mantém na ignorância e nos separam da nossa perfeição? É o vício de achar que comigo será diferente, que eu amo e sou amado, que meus filhos são uma benção… até que nos frustrem, nos machuquem ou tomem caminhos diferentes do que traçamos mentalmente para eles e para a nossa relação.

Somos amor, amor incondicional.

Sobre o despertar, observe se está trocando crenças, querendo estabelecer novos paradigmas em cima do que já não se sustenta energeticamente. São avisos de chegada de novas ondas de luz no planeta, da influencia em nossas vidas dos planetas retrógrados, da lua cheia carregada de poder, amamos tudo isso, pois sustenta a expectativa de que nosso esforço para nos tornamos pessoas melhores, recairá sobre nós em forma de bençãos ou que essas energias nos guiarão à luz que somos.

Não tem o que esperar, o que temer, ansiar, somos parte da constante mudança universal. Agora, estamos percebendo isso, mas seguimos estabelecendo metas, para nós e para os outros, comparando consciências ou inconsciências. A nova frequência planetária nos impulsiona para a expressão do amor incondicional. Não falo aqui sobre acordar amanhã amando toda a população da Terra, isso é ilusão.

Os corpos físico, mental e emocional expressarão respeito e aceitação por todas as formas de vida quando coerentes com o coração (sentir) da nossa centelha imortal que sempre esteve sintonizada com o universo. Nosso conceito de amor está atrelado às nossas experiências de dor e de prazer.

É pela observação do que sentimos que aceitaremos que a criação mental coletiva nos fez vibrar dependência para sermos amados. Muitas vezes imagino que somos uma piada cósmica, pois procuramos o tempo todo fora o que já somos. Buscamos amar e ser amado quando somos o amor.

Criamos condições e limitamos o amor às nossas relações interpessoais e agora que a luz está iluminando o canto escuro, estamos criando procedimentos que nos levem de volta ao lugar que nunca saímos, só nos enfeitamos tanto que precisamos nos desnudar. Ao mesmo tempo, a armadilha de procurar tornar-se melhor perpetua o amor que conhecemos, condicional e personalizado.

Mas, felizmente, não dá mais, o planeta evoluiu nos libertando dos conceitos de certo e errado que nos acostumamos a triar para controlar tudo e todos. Estamos à deriva porque, muitos de nós, está oscilando entre frequências e leva algum tempo para assimilação energética, apenas o tempo de aceitar que você É amor. Não mais que isso!



Fatima D’Agostino
Grato a Mesa Quântica Estelar, Mesa Quântica para Pets
e Frequência de Cura Arco Iris – lecocqmuller@gmail.com



Agradecimentos a:  

 


 
Para outros artigos espirituais e denúncias por favor visite:



Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcançar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.

 
Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.

 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 

 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1


 


esoterismo


 
publicado por achama às 16:27
link | comentar | favorito
Domingo, 3 de Maio de 2020

...

O EGO SILENCIOSO

Owen Waters

Boletim de Dinâmica Espiritual, Crescimento espiritual, vitalidade e bem-estar

 

Tradução: Regina Drumond.

 

a 3 de maio de 2020.






Na cultura de hoje, a palavra ego geralmente é aplicada a traços de personalidade disfuncionais. Se uma pessoa é controladora, detestável ou faz uma birra, diz-se que seu ego é o culpado.
 
Atributos disfuncionais do ego surgem da Velha Realidade da consciência de separação. A humanidade passou milhares de anos explorando os efeitos da separação de outras pessoas, a separação de outros estados de consciência e separação da fonte espiritual interior.
 
A consciência de separação causa medos profundos; receios de que não haverá amor, terra ou recursos suficientes. Destes medos, surgem a inveja, a ganância e a agressão. Não é de admirar que, após milhares de anos de conseqüências e pesadelos, a humanidade esteja pronta para avançar para a fase de cura da existência na Terra.
 
A nova realidade emergente traz a consciência centrada no coração. A palavra-chave da nova consciência é integração, e não separação. Nas próximas décadas e séculos, a humanidade encontrará maneiras de resolver diferenças e questões de separação de maneiras inspiradas pelo amor incondicional e pela compaixão. A violência pode gerar violência, mas é baseada na ilusão da falta. O amor gera amor e, sendo baseado em um componente muito real da Criação, ele tem o poder real.
 
Na Velha Realidade, os sacerdotes trabalhavam para controlar suas congregações, repreendendo-os com acusações de que eles são pecadores sem valor. Hoje em dia, alguns professores que afirmam ser espirituais repreendem o seu público com acusações de que eles têm problemas de ego ruim. De fato, eles afirmam que ter qualquer ego é ruim, ruim, ruim. As pessoas na platéia, mesmo as almas gentis com corações maravilhosos, deveriam começar a duvidar de si mesmas. Afinal, eles supõem, o professor supostamente esclarecido deve saber mais do que eles. E, assim, o verme do controle começa a penetrar em suas mentes.
 
A Nova Realidade não se trata de ter poder sobre alguém. Trata-se de auto-capacitação, trata-se de poder com todos, não contra eles. O ego de uma pessoa espiritualizada não é um problema. É uma parte essencial do sistema humano, criado expressamente pelo Criador de toda a vida, a fim de experienciar a autoconsciência, a partir de um número infinito de pontos de vista.
 
O Ser Infinito é a consciência abrangente, a partir da qual o universo foi criado. Tudo no universo é feito de consciência. Assim como cada floco de neve é ​​único, cada pessoa também é. Seu principal objetivo na vida é experienciar a vida de um ponto de vista único e individual.
 
Você não pode cortar uma parte de si mesmo. O ego não pode ser jogado fora e esquecido. É o seu senso essencial de identidade. Mesmo se alguém fosse bem-sucedido em rejeitar uma parte de si mesmo, chegaria um momento em que ele teria que recuperar essa parte perdida e integrá-la de volta a si mesma de maneira saudável e holística.
 
Você é uma expressão do Ser Infinito, à medida que ele se experiencia a partir de todos os pontos de vista possíveis. A melhor maneira de servir a si mesmo e ao Ser Infinito, a fonte dentro de todos nós, é viver a sua vida para o seu próprio potencial pessoal mais elevado.


Owen Waters.






 
 
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
A religião organizada é desnecessária à espiritualidade.
Excelentes ensinamentos dos mestres têm sido contaminados pelo controle dogmático dessas religiões.
Discernimento sim; julgamento não.
Com discernimento é possível alcansar o espírito da letra de qualquer escritura e é também bem mais fácil escutar a voz da alma que vem do coração.
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos

 
 

Recomenda-se o discernimento.

 

Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.

 

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
 
 

Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

 
 


 
Atualização diária.
 
Free counters!



geoglobe1

 


 
publicado por achama às 16:48
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. DESENVOLVIMENTO ESPIRITUA...

. VOCÊ AMA, MAS SENTE-SE AM...

. ...

.arquivos

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Novembro 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Janeiro 2018

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Dezembro 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds